Câmara de Salto define o homenageado do XVIII Prêmio Câmara Especial de Meio Ambiente

imagem para o site - redimensionado

Salto, 12 de junho de 2018

A Câmara da Estância Turística de Salto, por meio da Mesa Diretora, definiu a empresa que será homenageada neste ano com o Prêmio Câmara Especial de Meio Ambiente. Desde 2001, o prêmio é dado a uma entidade, pessoa ou empresa que desenvolve ou apoia projetos e trabalhos que beneficiem o meio ambiente.

Neste ano, a empresa Sanetrat Saneamento S.A. – do Grupo Conasa – foi a escolhida para receber a premiação no XVIII Prêmio Câmara de Meio Ambiente, que também teve a participação de alunos das escolas de Salto com trabalhos de Desenho, Cartaz, Texto Dissertativo-Argumentativo e Fotografia, tendo como tema “Biomas brasileiros: ameaças x preservação”.

Sobre a Sanetrat

A Sanetrat iniciou suas operações em Salto em 2008 e se dedica a tratar efluentes industriais, chorume de aterro sanitário e fossas. Os tratamentos são realizados nas centrais de tratamento da empresa localizadas em Salto/SP e Itapema/SC, e diretamente nas instalações das indústrias. Atualmente, a companhia atende mais de 200 clientes de vários segmentos de mercado.

A Central de Tratamento da Sanetrat em Salto utiliza processos de alta tecnologia com a finalidade de tratar uma ampla gama de efluentes industriais, tais como: metais pesados, efluentes ácidos e alcalinos concentrados, efluentes com elevada carga contendo traços de hidrocarbonetos e solventes clorados, efluentes oleosos livres ou emulsionados e lodos gerados de tratamento físico-químico ou biológico. A expertise desse trabalho está se tornando o padrão Sanetrat para as outras unidades da empresa, localizadas em outros estados, como Santa Catarina, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

O trabalho realizado pela Sanetrat é fundamental para a recuperação dos rios, em especial o Jundiaí e o Tietê, que integram a bacia hidrográfica do Município de Salto. O tratamento e descarte dos efluentes industriais de maneira correta permite que os rios melhorem sua qualidade. Muitas indústrias têm dificuldade em tratar seus rejeitos por configurar uma atividade altamente especializada e que, muitas vezes, difere das atividades fim da indústria. Desta forma, uma central de tratamento como a disponibilizada pela Sanetrat, que envolve um conjunto de técnicos especializados, processo comprovados, laboratório de controle de qualidade e todo um gerenciamento voltado ao tratamento adequado dos efluentes, passa a ser de fundamental importância à sustentabilidade das empresas, dos rios e do meio ambiente.

Premiação do XVIII Prêmio Câmara de Meio Ambiente

No dia 20 de junho, acontecerá a solenidade de premiação, na qual serão conhecidos os trabalhos vencedores de cada categoria. A sessão solene será realizada no Plenário da Câmara Municipal, às 19 horas, e na ocasião também será entregue o Prêmio Câmara Especial de Meio Ambiente.